sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

Phenomenon "Fenômeno" (Qual será a real capacidade do cérebro humano?)

Reações: 

Ola pessoal,

Aqui estamos para falar de mais um grande clássico, estrelado por John Travolta "Phenomenon", mas, hoje estou muito inspirado e vou fazer intercecção com vários outros filmes. Este filme é um drama e pode ser considerado por alguns como ficção científica, não sei porque... talvez porque o Travolta faz as coisas voarem com o poder da mente, hehehe, isso se chama telecinésia, telecinese ou telecinética. Pois é isso mesmo, mas, vamos analisar um pouco os motivos para acreditar que isso pode virar realidade.

Ele tinha um câncer incomum, um tumor no cérebro, ao invés de limitar as capacidades cerebrais estava ativando-as, fazendo com que ele ficasse super inteligente da noite pro dia e adquirisse capacidades extraordinárias, e isso nos remete à uma questão que poderia ser comparada à questão fundamental da vida, o universo e tudo mais, qual os verdadeiros poderes do nosso cérebro?

Segundo algumas fontes científicas de estudo do cérebro, que eu não sei se são seguras (cientistas não são deuses),uma pessoa normal usa apenas 10% de toda sua capacidade cerebral, mas, temos exemplos na história de pessoas que usaram até 12% como Einstein, não sei se realmente é verdade ou boato, mas, o cara realmente era inteligente. Inclusive neste filme acontece com o personagem uma coisa parecida com a história de Einstein, o serviço secreto queria usar suas capacidades para fins militares e ele, assim como Einstein quando descobriu a energia nuclear, queria ajudar a sociedade.

Se a Lei da atração é verdadeira, esse cara soube usar melhor do que ninguém, fazia até mesmo as coisas voarem, , segundo ele no filme "é um acordo entre as moléculas do meu corpo e as moléculas do objeto, a final, somos feitos da mesma coisa: energia", ele tem razão, tudo o que existe no universo é formado por átomos que nada mais é além de energia e, também é claro, vácuo. Hoje em dia, pesquisando pela internet e assistindo à televisão, podemos ver o homem tentar conseguir essas façanhas através da tecnologia, aparelhos que colocados na cabeça detectam suas atividades cerebrais e fazem uma bolinha se mover apenas com seus pensamentos. E daí surge outra questão, por exemplo, e se o homem criar um espaço virtual onde conectado ao seu cérebro ele pudesse viver nesse espaço como se fosse no mundo real, como se ele pudesse usar o second life por exemplo, sem precisar do teclado e mouse, apenas com esse aparelho captando suas ondas cerebrais, e tirar proveito dessa sua capacidade de poder fazer as coisas com o poder da sua mente, poderia fazer tudo o que quisesse, até mesmo voar por esse espaço, seria uma matrix, e em matrix Neo podia fazer esse tipo de coisa.

Não seria má ideia criar uma matrix pra pessoas que quisessem viver essa experiência, poder fazer coisas extraordinárias, logicamente tudo seria falço, a pessoa não estaria no mundo real, estaria numa matrix com seu cérebro conectado a um computador que mostra a ela aquela falça realidade, mas, e se isso estiver acontecendo? Será mesmo que não estamos em uma matrix? E exatamente por isso que eu pergunto também, será mesmo que não podemos usar 100% da nossa capacidade cerebral pra fazer coisas extraordinárias? Talvez estejamos todos em uma matrix exatamente pra fazer isso.

Voltando ao phenomenon, é um filme realmente merecedor de premios, além de nos mostrar a capacidade que temos, também nos mostra uma lição de vida muito bonita, faz a gente repensar nossa vida e ver o por que realmente vale a pena viver.

Um amigo cético me falou que isso é tudo mentira, mas, essa é a opinião dele, prefere acreditar que somos simplesmente humanos limitados de capacidade. Eu prefiro acreditar que realmente somos seres iluminados e não essa rude matéria como dice o velho e sábio mestre Yoda em Gerra nas estrelas. E você, no que prefere acreditar?

Vejam logo abaixo o Trailer do filme Phenomenon:





Está em inglês e nem tem legenda, mas já da pra ter uma ideia de como o filme é bom. Espero que tenham gostado, deixem suas críticas e sugestões, até o próximo filme pessoal, fiquem com Deus.

2 comentários:

  1. "...como dice o velho e sábio mestre Yoda..."
    "...como diSSe..."

    ResponderExcluir

 
BlogBlogs.Com.Br